Conecte-se com a gente!

E aí, o que você está procurando?

Você se lembra da VIMA? Relembre de uma das empresas mais queridas de Sorocaba!

Viação Manchester foi uma empresa de transportes coletivos. Ela operava seus ônibus no sistema de Sorocaba.

Na década de 1960, cinco empresas operavam os ônibus do sistema de Sorocaba. Cada empresa operava seus ônibus em uma determinada região. As linhas urbanas contavam com monoblocos O321, enquanto as linhas suburbanas e rurais contavam com veículos encarroçados sob chassi LP321. Ambos eram fabricados pela Mercedes-Benz.

Nasce a VIMA
Em 1974, a prefeitura convence os donos das empresas a se unirem em uma sociedade para operar os ônibus do sistema. Surge a Viação Manchester. A nova empresa continua a operar com veículos da Mercedes e ficou marcado na memória dos sorocabanos pelo péssimos serviços prestados.

Continue lendo após o anúncio

No fim da década, a Fioravante deixa a sociedade. Em 1984, a VIMA sofre intervenção da prefeitura devido a problemas com manutenção e atrasos nos horários. A época, todas as linhas se dirigiam para o mercado municipal. Em 87, a empresa vence a licitação juntamente com a Empresa Auto Onibus São Jorge.

Disputa com a prefeitura
Os atritos com a prefeitura começa em 1989 quando a são Jorge perdeu a concessão das linhas para a recem criada TCS. Ao mesmo tempo, a Fioravante inicia os testes de um monobloco Mafersa em uma linha troncal. O capítulo seguinte foi mais tenso devido a pressão dos donos da VIMA, que alegavam quebra de contrato ao realizar a nova licitação na qual a TCS e a Fioravante foram as vencedoras. As empresas assumiram gradualmente as linhas da VIMA. Além de não aderir a remuneração por Km, a frota não é renovada desde 1987 e havia carro de 1975 rodando.

Em 1991, a Viação Nossa Senhora da Ponte adquiriu a VIMA e um grande lote de veículos da Mercedes. O lote incluiu veículos Busscar Urbanus e Monoblocos.

Fim da empresa
Após a descoberta de que os donos da VIMA eram sócios majoritários da Sousa transportes urbanos, a prefeitura decide cassar as atividades da empresa.

Continue lendo após o anúncio

Situação pós falência
Após a falência, as linhas foram transferidas para a TCS e STU. Quanto aos veículos, parte da frota foi desativada e os veículos mais novos foram repassados as mesmas empresas, assim como parte do quadro de funcionários.

Fonte: Ônibus do Brasil

Continue lendo após o anúncio

Leia Também:

Faz parte de minha profissão visitar bares e restaurantes, o que, na maior parte das vezes, é um grande barato. Uma das minhas diversões...

Nos do grupo Sorocabanices, resolvemos criar um grupo de auto ajuda, onde os membros poderão postar fotos de pessoas e animais desaparecidos, documentos perdidos...

Um caso chocou o Brasil na última terça-feira (19). Uma mulher foi presa após agredir e raspar a cabeça da filha de 13 anos....

Uma forte chuva atingiu Ilha Comprida, litoral de SP, mais conhecida pelos sorocabanos como praia do “Oi”. Mais de 150 mulheres de Sorocaba que...

Anúncio