Conecte-se com a gente!

E aí, o que você está procurando?

Paulo Pagni, o P.A, baterista do RPM, morre aos 61 anos

O baterista do RPM, Paulo Antônio Pagni, o P.A. morreu hoje após ficar mais de 20 dias em estado grave na UTI de um hospital de Salto, no interior do estado de São Paulo. A informação foi publicada oficialmente no Facebook da banda. No texto, assinado pelos três integrantes remanescentes, Fernando Deluqui, Luiz Schiavon e Dioy Pallone, eles afirmam que P.A. “resolveu definitivamente descansar de sua brava luta pela vida (…) Fomos pegos de surpresa e tomados pela tristeza quando soubemos de sua partida há pouco”.

De acordo com a banda, o baterista morreu em decorrência do agravamento das suas condições respiratórias devido a forte pneumonia que o atingiu. A banda está em Garopaba, em Santa Catarina, e informou que fará o show que eles têm marcado para esta noite para uma plateia estimada em 20 mil pessoas. “Por vários motivos e pela honra de nosso irmão, sempre apaixonado pelo seu trabalho e extremamente profissional”. Ainda não há informações sobre o velório, mas o enterro deverá ocorrer em Araçariguama, no interior de São Paulo, junto aos seus pais.

No dia 2 de junho, um comunicado oficial feito pela banda por meio de sua página no Facebook informou erroneamente que P.A. havia morrido. Horas depois, o guitarrista e vocalista Fernando Deluqui publicou um vídeo desmentindo a morte. Na ocasião, Deluqui explicou a confusão e disse ter recebido duas confirmações da morte de P.A.

Continue lendo após o anúncio

Fonte: Uol Entretenimento

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também:

Faz parte de minha profissão visitar bares e restaurantes, o que, na maior parte das vezes, é um grande barato. Uma das minhas diversões...

Nos do grupo Sorocabanices, resolvemos criar um grupo de auto ajuda, onde os membros poderão postar fotos de pessoas e animais desaparecidos, documentos perdidos...

Um caso chocou o Brasil na última terça-feira (19). Uma mulher foi presa após agredir e raspar a cabeça da filha de 13 anos....

Uma forte chuva atingiu Ilha Comprida, litoral de SP, mais conhecida pelos sorocabanos como praia do “Oi”. Mais de 150 mulheres de Sorocaba que...

Anúncio