Sem Carnaval! Mais de mil pessoas são dispersadas de aglomerações em Sorocaba

Ações da GCM no fim de semana dispersam mais de mil pessoas em locais de aglomeração

A Guarda Civil Municipal de Sorocaba (GCM) prossegue com ações diárias para evitar eventos clandestinos e aglomerações de pessoas nos locais, bem como no atendimento de denúncias sobre perturbação do sossego, som alto ou “pancadões”.

No último fim de semana, a GCM realizou 21 ações, orientando e dispersando mais mil pessoas em eventos irregulares. Na noite de domingo (14), houve duas ocorrências atendidas, a partir de denúncias recebidas pela Corporação.

Por volta das 20h45, uma patrulha da GCM esteve em estabelecimento comercial no Bairro Barcelona e o proprietário foi notificado e orientado a encerrar as atividades, pois havia aglomeração. Já, às 21h30, também de domingo, equipes foram acionadas e constataram acúmulo de pessoas no Parque “Flávio Trettel”, que fica na região da Vila Formosa. Na ocasião, houve dispersão de munícipes e nove veículos acabaram autuados, devido a irregularidades.

O secretário de Segurança Urbana, Coronel Vitor Gusmão, destaca que a Corporação tem atendido aos casos de denúncias, sobretudo que chegam pelo fone 153. “Estamos em um período ainda mais delicado, porque mesmo com o Carnaval suspenso, há registros de eventos clandestinos com grande quantidade de pessoas. Estamos atentos e agindo”, diz.

Ele ressalta as ocorrências de sábado (13) para domingo (14), em que festas clandestinas foram fechadas em bairros, como Cruz de Ferro, Nova Esperança e dos Morros. “Em uma delas, havia mais de 700 pessoas e 100 veículos; em outra, 200 pessoas. Todo mundo foi dispersado e houve autuações de veículos”, destacou.

O secretário reforça ainda que as operações integradas entre a GCM e a Polícia Militar (PM) continuarão, principalmente nos fins de semana, como aquelas que ocorreram na sexta-feira (12) e no sábado (13), nos bairros Paineiras, Vitória Régia, Vila Helena, Brigadeiro Tobias e Conjunto Ana Paula Eleutério (Habiteto). Em uma noite, foram autuados 66 veículos e, na outra, 118, com ao todo nove estabelecimentos tendo suas atividades encerradas, devido a aglomerações.

“As ocorrências de perturbação do sossego e som alto também têm implicado em notificações e encerramento das atividades, uma vez que, em geral, apresentam aglomerações. Continuamos contando com o apoio da população para que nos informem dessas ocorrências. Assim, a GCM pode coibir abusos, chegando ao local em tempo hábil e de forma preventiva, antes que esses eventos aconteçam”, finaliza o coronel Vitor Gusmão.