Prefeito de Sorocaba exonera secretário preso durante ‘Operação Noteiras’

COMPARTILHE

As informações são da Jovem Pan Sorocaba.

O secretário de Recursos Humanos da Prefeitura de Sorocaba, Rodrigo Onofre, foi exonerado do cargo, de acordo com a última edição do Jornal do Município, publicada nesta quarta-feira (12).

Onofre foi preso na Operação Noteiras, deflagrada por uma força-tarefa que envolve o Ministério Público, Secretaria da Fazenda, Polícia Civil e Polícia Militar, que investiga crimes cometidos como lavagem de dinheiro e sonegação fiscal, por meio de empresas privadas.

Mesmo com a exoneração de Onofre, a prefeitura afirmou que “aguardará a apuração dos fatos para tomar qualquer medida em definitivo e, para que as atividades da pasta não sejam interrompidas, a secretária Jurídica, Dra. Luciana Mendes, acumulará a chefia da SERH interinamente”.

A decisão de exoneração de Onofre, feita pelo prefeito Rodrigo Manga (Republicanos), consta na Portaria nº 91.762/DICAF.

Luciana Mendes da Fonseca, secretária Jurídica, acumulará a Pasta de RH. Esta decisão do chefe do Executivo consta na Portaria nº 91.763/DICAF.

Luciana é Bacharel em Direito pela Universidade Centro de Ensino Unificado do Maranhão – CEUMA. Certificada no curso de Preparação à Magistratura pela Escola Superior de Magistratura do Estado do Maranhão e Pós-graduada em Ciências Criminais pela Rede LFG – Luís Flávio Gomes.

Foi secretária parlamentar na Câmara dos Deputados, em Brasília – DF. Participou, como congressista, de eventos como o Congresso Brasileiro de Direito Constitucional Direitos Fundamentais e Democracia no Mundo Globalizado. Atualmente, advoga em escritório próprio, com atuação nas áreas do Direito Civil, Criminal, Eleitoral, Administrativo, de Família e do Consumidor.

COMPARTILHE