Conecte-se com a gente!

E aí, o que você está procurando?

Homem deixa mulher e filhos trancados dentro de casa, sem comida, por cinco dias

Um jovem, de 24 anos, foi preso suspeito de manter a família em cárcere privado, em Araripe (CE), nessa sexta-feira (3). De acordo com a Polícia Militar (PM), a mãe e as crianças, de 1 e 3 anos, foram resgatas em situação de abandono.

De acordo com militares, na casa foi encontrado somente café e um pouco de leite em um forno a lenha. Luiz da Silva Gomes foi detido após vizinhos e familiares denunciarem que os três estavam presos dentro de casa sem comida.

A polícia também informou que ele é suspeito de agredir a mulher. Ela foi encontrada muito debilitada e com diversos hematomas.

Continue lendo após o anúncio

A residência do casal fica no Centro da cidade do interior, localizada no Sul do Ceará. A mãe da vítima contou da situação que a filha e os netos foram encontrados.

“Eu cheguei lá na casa e a menina me disse ‘vovó, mim dá água’. Eu fui pegar, mas não tinha. Eles só comiam quando o pai queria. Ele ameaçava todo mundo. Às vezes, ele levava pra casa da outra avó, depois ele disse que não queria mais saber e que eles poderiam era morrer de fome”.

Após os três serem retirados do local, os próprios policiais se uniram e fizeram uma vaquinha para lhes comprar alimentos.

“A situação era triste. Eram duas crianças e não tinha nenhum tipo de alimentação. A polícia fez uma cota para comprar a alimentação para as crianças. A criança de um ano não tinha nem leite pra beber. Segundo a mãe, era cinco dias sem comer nem beber. Ela só chorava muito”, disse o cabo da PM Roniele Rocha.

Continue lendo após o anúncio

À polícia, a mulher contou que vivia há quatro anos nessa situação. Além da comida escassa, ela também era proibida de frequentar a casa de parentes. Os filhos do casal não eram permitidos de ir a escola e não tinham acesso a serviços básicos de saúde.

“Ele mandava eu fazer as coisas pra ele, me batia, não deixava eu fazer nada. Eu nem pisava na casa da minha família. Eu falava que ia colocar a menina na escola, mas ele falava que não era pra criança estudar. Ela (criança de 3 anos) está matriculada, mas ele não deixava ela ir pra aula. Até as vacinas estão atrasadas. A família dele sabia, uma irmã dele ficou até do meu lado”, contou a vítima.

Após prestar depoimento na delegacia, o homem foi conduzido à Cadeia Pública de Juazeiro. Ele está detido sob as acusações de cárcere privado e violência doméstica. O jovem está a disposição da Justiça.

Continue lendo após o anúncio
Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também:

Faz parte de minha profissão visitar bares e restaurantes, o que, na maior parte das vezes, é um grande barato. Uma das minhas diversões...

Nos do grupo Sorocabanices, resolvemos criar um grupo de auto ajuda, onde os membros poderão postar fotos de pessoas e animais desaparecidos, documentos perdidos...

Um caso chocou o Brasil na última terça-feira (19). Uma mulher foi presa após agredir e raspar a cabeça da filha de 13 anos....

Uma forte chuva atingiu Ilha Comprida, litoral de SP, mais conhecida pelos sorocabanos como praia do “Oi”. Mais de 150 mulheres de Sorocaba que...

Anúncio