Conecte-se com a gente!

E aí, o que você está procurando?

Há 8 anos, TV mostrava que pacientes de hospício em Sorocaba comiam fezes; relembre

Há 8 anos, o Conexão Repórter do SBT, mostrava a forma desumana que os pacientes eram tratados no Hospital Psiquiátrico Vera Cruz em Sorocaba, a reportagem mudou a história dos hospitais psiquiátricos de todo Brasil

Em agosto da 2012, o programa Conexão Repórter, do SBT, mostrou os bastidores de um hospital psiquiátrico, revelando um registro de abandono e violência. Há um ano, o programa recebeu uma denúncia de que no Hospital Vera Cruz, em Sorocaba, no interior de São Paulo, doentes mentais eram vítimas de maus-tratos.

Durante duas semanas, um produtor do Conexão se infiltrou no hospital para registrar a realidade. Mais tarde, o jornalista e apresentador do programa, Roberto Cabrini, também esteve no local, onde entrevistou funcionários e pacientes.

Na época, a reportagem mostrou a maneira desumana que os pacientes eram tratados. Uns comiam fezes e vômitos, outros andavam nus pelo hospital. A denuncia chocou o Brasil inteiro na época. Assista a reportagem da época, mas atenção, contém cenas fortes:

Continue lendo após o anúncio

Repercussão na época

A reportagem “A Casa dos Esquecidos”, rendeu o prêmio ‘Botequim Cultural’ ao apresentador, onde ele denunciou a realidade do hospital psiquiátrico Vera Cruz, de Sorocaba, aonde internos eram submetidos as mais degradantes situações de maus tratos, vivendo um cotidiano de abandono. Roberto Cabrini prova com “A Casa dos Esquecidos” a função humanista que o jornalismo investigativo pode produzir ao dar voz aos esquecidos. Reportagem que mudou a história deste e de todos os hospitais psiquiátricos do Brasil.

O Hospital Psiquiátrico Vera Cruz, foi interditado após essa reportagem ir ao ar. Roberto Cabrini voltou ao local em 2013. Assista abaixo:

Continue lendo após o anúncio

O retorno e as mudanças dois anos após a reportagem que chocou o Brasil

Dois anos após a primeira reportagem, em 2014, o ‘Conexão Repórter’ voltou ao Hospital Vera Cruz, em Sorocaba, interior de São Paulo, palco das atrocidades e graves abusos de direitos humanos denunciados com exclusividade por Roberto Cabrini no programa “A Casa dos Esquecidos”, uma importante e visceral reportagem mostrando a realidade de um hospital psiquiátrico no Brasil.

Continue lendo após o anúncio

A investigação repercutiu em todo o Brasil e trouxe conquistas importantes no cuidado com doentes mentais. O telespectador vai ver em detalhes o que aconteceu com os pacientes registrados pelas câmeras do Conexão: os casos de mortes mal explicadas, o desaparecimento de internos e também o dia a dia do manicômio após a intervenção pública. Assista abaixo:

Vera Cruz fechou em 2018

O Hospital Vera Cruz, último dos grandes hospitais psiquiátricos que ficava em Sorocaba, no interior de São Paulo, fechou suas portas em 2018.

Símbolo da política de desospitalização do paciente mental, o Vera Cruz funcionou durante quase 60 anos como hospital de loucos, à margem do km 109 da Rodovia Raposo Tavares. Entre 2006 e 2007, o hospital chegou a registrar 46 mortes – uma a cada 15 dias, segundo a Frente Antimanicomial, coordenada por pesquisadores da Ufscar (Universidade Federal de São Carlos). Na época, essa alta mortalidade foi usada como bandeira na luta pelo fechamento dos manicômios. Em 2011, a administração do Vera Cruz foi investigada pela polícia e pelo MP por suspeita de maus-tratos e cárcere privado. O hospital foi parcialmente interditado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e proibido de receber mais pacientes.

Continue lendo após o anúncio

O Vera Cruz era o maior entre os seis hospitais psiquiátricos que funcionavam na região. Em Sorocaba, já foram fechados os Hospitais Teixeira Lima, Mental e Jardim das Acácias.

Leia Também:

Faz parte de minha profissão visitar bares e restaurantes, o que, na maior parte das vezes, é um grande barato. Uma das minhas diversões...

Nos do grupo Sorocabanices, resolvemos criar um grupo de auto ajuda, onde os membros poderão postar fotos de pessoas e animais desaparecidos, documentos perdidos...

Um caso chocou o Brasil na última terça-feira (19). Uma mulher foi presa após agredir e raspar a cabeça da filha de 13 anos....

Uma forte chuva atingiu Ilha Comprida, litoral de SP, mais conhecida pelos sorocabanos como praia do “Oi”. Mais de 150 mulheres de Sorocaba que...

Anúncio