Conecte-se com a gente!

E aí, o que você está procurando?

Cubanos desenvolvem tratamento que cura vitiligo em 3 dias

Instituto cubano desenvolve cura contra vitiligo em 3 dias a partir de extrato natural retirado da placenta humana.

As causas do vitiligo – doença conhecida pela despigmentação da pele e que, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), atinge um 1% da população mundial – podem ser ocasionados por herança genética, autoimunidade e até estresse. Existe uma variedade de tratamentos para a doença. Um deles é o método cubano, que apresenta resultados com grande poder de cura.

Cuba desenvolve o tratamento desde a década de 1970, de acordco com o Centro de Histoterapia Placentária, em Havana. Retirado da placenta humana, o Melagenina Plus é um extrato alcoólico estimulante da melanina, proteína responsável pela pigmentação da pele.

Continue lendo após o anúncio

A primeira aplicação do medicamento mostrou que 84% dos 732 pacientes que participaram do estudo voltaram a ter pigmentação total nas áreas atingidas pelo vitiligo.

“As manchas foram regredindo. Eu tinha manchas no rosto e não tenho mais. Eu tenho algumas manchas localizadas, como no pé e no joelho, mas são muito pequenas. Faz mais de vinte anos que elas pararam de crescer”, contou Glícia Pontes, professora da Universidade Federal de Goiás, uma das primeiras brasileiras a ter êxito com o método cubano.

O Centro de Histoterapia Placentária realiza o tratamento durante 3 dias consecutivos. A consulta no Centro é de segunda à sexta-feira, das 9h às 16h. Os estrangeiros que querem se tratar em Cuba devem viajar para Havana e ficar no país pelo menos 4 ou 5 dias

Continue lendo após o anúncio

Leia Também:

Faz parte de minha profissão visitar bares e restaurantes, o que, na maior parte das vezes, é um grande barato. Uma das minhas diversões...

Nos do grupo Sorocabanices, resolvemos criar um grupo de auto ajuda, onde os membros poderão postar fotos de pessoas e animais desaparecidos, documentos perdidos...

Um caso chocou o Brasil na última terça-feira (19). Uma mulher foi presa após agredir e raspar a cabeça da filha de 13 anos....

Uma forte chuva atingiu Ilha Comprida, litoral de SP, mais conhecida pelos sorocabanos como praia do “Oi”. Mais de 150 mulheres de Sorocaba que...

Anúncio