Conecte-se com a gente!

E aí, o que você está procurando?

Apresentadora da Record TV é demitida após vídeo de confusão com PM viralizar

A Record TV Cabrália, afiliada da emissora paulista no interior da Bahia, decidiu demitir a apresentadora a jornalista Lo-Hanna nesta terça-feira (10), onze dias depois de um vídeo onde se envolve em uma confusão com um PM e seu marido viralizar nas redes sociais.

A informação foi confirmada pelo Observatório da Televisão com fontes ouvidas na cabeça de rede da Record TV na Bahia, localizada em Salvador (BA). A reportagem tentou entrar em contato com a jornalista durante todo o dia desta terça, mas não obteve sucesso. A Record TV Cabrilha também não atendeu aos telefonemas da reportagem.

A confusão em que Lo-Hanna se envolveu ocorreu no último dia 27 de agosto, na cidade de Itabuna, que fica a 436 km de capital baiana. Lo-Hanna registrou um policial militar a paisana tentou prender em flagrante um jovem que roubou biscoito em um mercado da região.

Continue lendo após o anúncio

Acompanhada de seu marido, Lo-Hanna entendeu que o PM estava exagerando na abordagem, agredindo o jovem quando ele já estaria algemado. No entanto, o PM começou a discutir com o esposo da jornalista. Por conta da celeuma, ela decidiu filmar a cena.

O vídeo que viralizou tem um minuto e meio e flagra agressões dos dois lados. A discussão acalorada chegou, em alguns momentos, as vias de fato. O fato ganhou repercussão nacional após uma reportagem do Observatório da Televisão. Lo-Hanna estava afastada desde o dia 29 de agosto por conta da repercussão da história.

Nas redes sociais, Lo-Hanna foi acusada de defender o ato do jovem e de “defender bandido”, o que ela negou em sua conta no Instagram. Por conta das ofensas, ela trancou a sua conta no Instagram. Após a briga, ela registrou boletim de ocorrência e disse que pretendia processar o policial.

PM da Bahia fez sindicância para investigar vídeo com apresentadora da Record TV

A assessoria de imprensa da Polícia Militar da Bahia (PM-BA) afirmou que abriu uma sindicância para investigar o caso. “O comando do 15º BPM abriu uma sindicância para apurar as circunstâncias do fato ocorrido entre um policial militar e um casal em Itabuna”, diz a nota.

Continue lendo após o anúncio

A Associação dos Policiais e Bombeiros do Estado da Bahia (Aspra) divulgou nota defendendo a ação do policial militar e disse que Lo-Hanna e seu marido colocaram a própria vida em risco.

Sobre a demissão de Lo-Hanna Magnavita, o Sindicato dos Trabalhadores em Emissoras de Rádio e Televisão (Stert) não se pronunciou. Já o Sindicato dos Jornalistas da Bahia (Sinjorba) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI) informaram que vão se manifestar nesta quarta-feira (11).

Veja o vídeo com a confusão que custou o emprego para Lo-Hanna Magnavita:

Continue lendo após o anúncio

Leia Também:

Faz parte de minha profissão visitar bares e restaurantes, o que, na maior parte das vezes, é um grande barato. Uma das minhas diversões...

Nos do grupo Sorocabanices, resolvemos criar um grupo de auto ajuda, onde os membros poderão postar fotos de pessoas e animais desaparecidos, documentos perdidos...

Um caso chocou o Brasil na última terça-feira (19). Uma mulher foi presa após agredir e raspar a cabeça da filha de 13 anos....

Uma forte chuva atingiu Ilha Comprida, litoral de SP, mais conhecida pelos sorocabanos como praia do “Oi”. Mais de 150 mulheres de Sorocaba que...

Anúncio