Notícias em Sorocaba

Família não consegue se despedir de idoso por falta de iluminação em cemitério de Sorocaba

O relato abaixo, foi enviado por nossa leitora e seguidora Patrícia Palombi, filha da vítima, que diz que a família não conseguiu se despedir do pai, vítima de covid-19, por falta de iluminação no Cemitério Santo Antônio, no bairro Wanel Ville, zona oeste de Sorocaba.

Confira o relato abaixo na íntegra:

Venho por meio deste compartilhar minha enorme tristeza, indignação, dor e tristeza não só minha, mas de toda a minha família.

Dia 22 de julho de 2020 meu pai veio a óbito por Covid 19 na cidade de Sorocaba, internação de 28 dias sem visita. Quando recebemos a noticia do óbito já sabíamos dos protocolos a serem seguidos ( sem velório, caixão lacrado e etc…)

Mas o revoltante foi em saber que não tínhamos opção de cemitério sendo assim enterrado no cemitério Santo Antônio, ai veio mais um choque enterro marcado para 20:30 eu meus familiares aguardamos até 20:30 para uma despedida rápida pois sabíamos disso, mas o que de fato nos torturou ainda mais foi chegar na porta do cemitério no horário agendado obvio que abandonado, sem nenhum tipo de informação, apenas com a presença de dois coveiros, em meio a imensa escuridão do local onde não conseguíamos enxergar um palmo a frente, ficamos por mais de uma hora esperando pelo carro da funerária chegar.

Até que finalmente chegou para que assim que pudéssemos dar o nosso último adeus, como citado já acima na escuridão, a cova sendo iluminada pelo farol do carro, voltamos com formigas pelo corpo pois não dava para enxergar onde estávamos pisando, sei que esse desabafo não tirará o trauma vivido, mas peço encarecidamente para que ao menos o local (cemitério) venha a ter um ponto de iluminação no mínimo, para que demais famílias não passem pelo o que passamos, com tamanho desprezo e desrespeito ao próximo. Pois o mesmo está em funcionamento 24 horas, e como que ainda segue sem o mínimo que é um ponto de luz.

SorocabaniceS
the authorSorocabaniceS