Notícias em Sorocaba

Pessoas ‘passeiam’ no centro de Sorocaba sem usar máscaras

Algumas pessoas foram vistas por nossa equipe no centro de Sorocaba circulando sem máscaras ou fazendo o uso de forma errado, e uma senhora quando questionada, disse que estava “passeando”

Nossa equipe do portal SorocabaniceS percorreu algumas das principais ruas do comércio no centro de Sorocaba na manhã desta sexta-feira (05), e flagramos várias pessoas fazendo o uso de máscaras de forma errada e outras, sem sequer estarem usando o equipamento de proteção.

Muitas pessoas, estão aproveitando o momento de reabertura do comércio na cidade para realizar compras de roupas, calçados e outros ítens de necessidade. Mas outras, estão apenas ‘passeando’ no centro, como foi o caso da dona Berenice de 68 anos, moradora do Jd. Zulmira. Ela foi parada pela nossa equipe, por não estar fazendo o uso de máscara de proteção; perguntada se ela tinha máscara de proteção, ela disse: “Não tenho, nem pra mim e nem para o meu neto (que a acompanhava).”

Nossa equipe doou máscaras para dona Berenice e para seu neto; então perguntamos o que ela estava fazendo no centro com o neto, e ela nos respondeu: “Estamos passeando, recebi minha aposentadoria mas já gastei todo o dinheiro em remédio, vim apenas passear com ele (neto)”.

Orientamos dona Berenice sobre os cuidados com a covid-19, e ela disse que tomará os cuidados para se proteger e que não sairá de casa sem necessidade. Neste momento, um outro senhor passava próximo a nossa equipe, e orientamos a ele, que ele estava usando a máscara de forma errada, pois ela estava no queixo, bom toda a boca e o nariz expostos. “Senhor, a máscara no queixo pode facilitar a contaminação da covid-19” – ele nos respondeu com a seguinte frase: “Vai para o inferno!”.

No total, orientamos cerca de 30 pessoas (que nos deram ouvidos kkk), usando máscaras de forma irregular ou até sem fazer o uso da máscara. Doamos cerca de 20 máscaras para aqueles que não faziam o uso do equipamento de proteção. 14 destas 30 pessoas disseram apenas estar passeando ou pesquisando preços.

Flagramos também várias lojas seguindo todas as orientações para a prevenção de contágio da covid-19, mas também vimos algumas lojas com meia dúzia de clientes no salão, mas com vários clientes aglomerados na porta dos estacionamentos esperando sua vez para entrar.

Se não fizermos nossa parte de só sair de casa para trabalhar ou em caso de necessidade, orientar as pessoas que parecem estar desinformadas e fazer o possível para ajudar aqueles que não possuem sequer máscara de proteção, os comércios voltarão a fechar e os casos de covid-19 em Sorocaba irá aumentar.

O número de casos confirmados chegou a 1.233 em Sorocaba

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Saúde (SES), registrou mais quatro novas mortes confirmadas com o novo coronavírus, nesta sexta-feira (05). Já os casos confirmados com a doença passaram de 1.202 para 1.233 na cidade. Os óbitos com a confirmação da doença aumentaram para 60.

Sorocaba recebeu a notificação de mais 31 novos casos confirmados da Covid-19 nesta sexta-feira (05). Com isso, a cidade chegou ao total de 1.233 casos. Deste total, 49 estão internados (15 em UTI) e o total de recuperados e/ou em estado de recuperação passou para 1.124.

A cidade também passou de 91 para 84 pessoas com suspeita de contaminação pelo novo coronavírus e que aguardam resultados. Entre todos os suspeitos, 35 estão internados em hospitais da cidade, sendo 10 em UTI. Os óbitos em investigação diminuíram para seis. O número de descartados por resultados negativos da doença aumentou para 2.953.

Quatro novas mortes

Também nesta sexta-feira (05), a cidade contabilizou mais quatro mortes por conta da Covid-19. As vítimas foram três homens e uma mulher.

A vítima feminina tinha 57 anos e era hipertensa e diabética. Já a segunda morte foi um homem de 81 anos que tinha hipertensão e diabetes. Estes dois pacientes estavam internados num hospital público de Sorocaba e faleceram nesta quinta-feira (04).

A terceira vítima foi um homem de 69 anos que possuía doença pulmonar e era cardiopata. Ele estava internado num hospital público de Sorocaba e faleceu nesta sexta-feira (05). A última vítima registrada foi um homem de 69 anos que faleceu numa UPH da cidade no dia 3 de junho. Ele era imunodeprimido.

SorocabaniceS
the authorSorocabaniceS