Brasil

Padrasto mata enteado de 3 anos após criança fazer xixi na cama

O homem foi detido em Juiz de Fora nesta terça-feira (2). A vítima tinha três anos.

Um homem de 33 anos foi preso em flagrante nesta terça-feira (2) em Juiz de Fora. Ele é suspeito de matar o enteado de três anos na segunda-feira (1º) na cidade de Lima Duarte.

Segundo informações do delegado Rodrigo Rolli, a prisão foi efetuada no Instituto Médico Legal (IML) de Juiz de Fora. A suspeita inicial é de que a criança tenha sido espancada pelo padrasto até a morte.

“Pela nossa investigação o espancamento ocorreu por volta das 11h da manhã e perto do meio-dia o serviço de Assistência Social esteve lá. A assistente nos relatou ainda que estava com uma normalidade muito grande na residência e que ficou assustada, posteriormente, ao tomar conhecimento, por causa da frieza do casal quando conversou com ela”, revelou.

Durante a prisão, os policiais questionaram o homem sobre as agressões e ele confessou ter agredido a crianças com chutes e também socos na região abdominal. Ele alegou ter perdido a paciência com a criança, que segundo ele, estava defecando e urinando na cama do casal.

As investigações apontam que o relacionamento entre o casal tenha se iniciado há sete meses, quando o homem ainda estava no sistema prisional. Ao sair, o casal se mudou da cidade de Muriaé para Lima Duarte, há cerca de quatro meses.

Rolli revelou que o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) havia registrado “histórico conturbado no núcleo familiar”. O delegado ainda informou que as investigações continuam, que novas testemunhas vão ser ouvidas e que a mãe pode ser enquadrada por “abandono ou negligência”.

SorocabaniceS
the authorSorocabaniceS