Com a passagem da frente-fria no estado na quarta-feira desde o dia 06 de maio, o ar polar deu sua entrada na madrugada do dia 07, com fortes ventos e queda brusca na temperatura do ar deixando os próximos dias com pouca nebulosidade e baixas temperaturas.

Como já sabemos, estamos passando por uma epidemia de um vírus já conhecido, mas com uma cepa nova, mais letal ao ser humano.

Para se proteger, é fundamental evitar a exposição direta ao vento, frio e aglomerações, já que as condições são favoráveis a grande proliferação do vírus.

A exposição direta ao vento frio, pode provocar irritações nas mucosas nasais e garganta, levando o corpo para um imunidade baixa, dando mais liberdade para infecção viral, dentre ela, o Coronavírus.

É importante que nestes dias, você evite ficar saindo, bebidas muito quentes ou muito geladas e a exposição do vento.

CRÉDITOS TEXTO E FOTO DA MATÉRIA RODRIGO POSSEBOM – CMP