Após divulgação de vídeo, casal é preso por agressão e omissão de socorro a criança de sete anos em Montes Claros.Segundo a PM, eles já tinham problemas de violência doméstica.Uma mulher, de 25 anos, foi presa nessa segunda-feira (13 de abril), após aparecer em imagens em que espanca a filha de sete anos, em Montes Claros. De acordo com a Policia Militar, os policiais foram acionados pelo ex-companheiro, que também foi preso por omissão de socorro, extorsão e violência doméstica. A criança está sob a guarda de uma tia.Segundo a PM, o homem, de 26 anos, apresentou um vídeo aos militares que mostra a ex-mulher dando um tapa no rosto da criança de sete anos e agredindo a menina com uma extensão elétrica; o fato teria acontecido na Rua Marília, no Bairro São Geraldo, onde duas moravam. Foram apresentados dois videos, mas não foram informadas a data das gravações.Já a mãe teria informado aos militares, que as agressões começaram depois que a filha havia mexido em embalagens de preservativos e estava desobediente.Ainda de acordo com a polícia, anteriormente, o casal teve uma discussão por motivos passionais e, por isso, o envolvido para se vingar, gravou o vídeo. Ele teria dito aos militares que a moça foi até a residência dele, na Rua Barão de Campinas, para promover gritaria e deu chutes no portão. Em seguida, acionou a policia e mostrou as imagens.A PM questionou o rapaz por não prestado socorro a criança no momento das agressões e ele teria alegado que a menina não seria filha dele. Após as informações, a mulher foi presa por maus tratos e o homem por omissão de socorro, extorsão e violência doméstica. No momento, a menor está sob a guarda de uma tia.