Polícia Militar esteve no local e utilizou de bombas de gás e balas de borracha para dispersar as pessoas. Minutos depois, jovens voltaram para festa

Mesmo durante a quarentena com restrição de circulação de pessoas para impedir propagação do coronavírus, um grupo marcou um baile funk na noite do sábado (4), que teve cerca de 2 mil confirmações de presença no evento pelas redes sociais.

De acordo com o líder comunitário Darlan Mendes, durante a madrugada, um grupo de mais de 200 pessoas se reuniu para beber e fumar na praça Padre Nelson José Nigrist, no cruzamento da avenidas Aguiar da Beira e Cipriano Rodrigues, em Sapopemba, zona leste de São Paulo.

Mesmo em quarentena, mais de 200 jovens participam de baile funk
Mesmo em quarentena, mais de 200 jovens participam de baile funk

Por volta das 2h, a Polícia Militar esteve no local e utilizou de bombas de gás e balas de borracha para dispersar as pessoas. Porém, minutos depois da saída da polícia, o grupo voltou para o local. Mesmo assim, Darlan relata que todos as noites, há uma concentração de pessoas na praça, desrespeitando as determinações do governo do estado.

O Estado de São Paulo decretou quarentena desde o dia 24 de março para impedir a disseminação do novo coronavírus. Eventos públicos foram cancelados e todos os serviços não essenciais foram fechados.

Veja o vídeo: CLIQUE AQUI