Em meio à pandemia do coronavírus, que tem se espalhado pelo mundo, dados da universidade Johns Hopkins mostram que número de pessoas curadas também cresce.

247.273: este é o número de pessoas que já se curaram no mundo em meio à pandemia do coronavírus até o fim da manhã desta quinta-feira (2), segundo dados da universidade americana Johns Hopkins. A China, país onde o vírus surgiu no fim de dezembro, é a líder em números de cura, com mais de 76 mil pessoas recuperadas. Em seguida, aparece a Espanha, com 26.743 curados. Alemanha, com 19.175 e a Itália, com 16.847, vêm logo depois.

Esses também são alguns dos países mais afetados pela doença.

No Brasil, até o momento, 127 pessoas foram curadas, segundo o monitoramento em tempo real feito pela Johns Hopkins.

Apesar de ser o quarto país com o maior número de curados, a Itália é a líder em número de mortes, com mais de 13 mil óbitos e cerca de 110 mil casos confirmados. Os Estados Unidos é, agora, o epicentro do vírus no mundo, com 216.768 casos.

No Brasil, quase 7 mil casos foram confirmados e 241 pessoas morreram, a maioria no estado de São Paulo, segundo dados do Ministério da Saúde.

Número de pessoas curadas do coronavírus passa de 247 mil

Não há um prazo estabelecido sobre quanto tempo leva para uma pessoa se recuperar da covid-19. Nos casos mais leves, autoridades têm pedido ao menos 14 dias de quarentena. A China estabeleceu outros 14 – totalizando 28 – antes de definir que um paciente estava totalmente curado.