O sonho de Bryan na verdade era comprar um videogame com o dinheiro arrecadado das latas, mas ao saber da situação financeira da família recuou seu desejo

Lembra do pequeno Bryan Henrique? Ele havia desaparecido na região norte de Londrina, no início de janeiro. Familiares e amigos do menino de apenas 10 anos de idade, entraram em desespero e pediram ajuda para encontrá-lo. Após muitos compartilhamentos e visualizações nas redes sociais, ele foi encontrado no início da noite, a quase 10 quilômetros de casa, perto de uma escola na Zona Norte da cidade.

Logo após ser encontrado, a reportagem do “TEM Londrina” descobriu uma linda história do que ele fazia quando desapareceu.

Ela lamenta que não tem condições de adquirir o brinquedo e diz que este é o sonho do filho: “Ele está juntando essas latinhas faz tempo, mas não deixo ele sair de casa para isso. É só quando está comigo ou voltando da aula”, explica a mãe.

Bryan Henrique é o irmão mais velho, sua mãe tem no total quatro filhos, o local onde vivem é de origem bem humilde no Conjunto Vista Bela, na Zona Norte. A mãe do Bryan conta que o menino gosta de juntar latinhas quando retorna da escola, e faria isso na intenção de juntar um dinheiro para que pudesse comprar um videogame, já que a família não teria condições.

Ela lamenta que não ter como de adquirir o brinquedo e diz que este é o sonho do filho: “Ele está juntando essas latinhas faz tempo, mas não deixo ele sair de casa para isso. É só quando está comigo ou voltando da aula”, explica a mãe de Bryan.