Brasil

Litoral de São Paulo tem 13 praias impróprias para banho

Caraguatatuba é o município com maior número de praias impróprias

Planejando viajar para o litoral de São Paulo? Então é bom ficar atento. Ao menos 13 praias estão impróprias para banho –cinco no litoral norte e oito na Baixada Santista.

No litoral norte, Caraguatatuba é o município com maior número de praias impróprias: Tabatinga, Centro e Indaiá. Ubatuba e Ilhabela tem uma cada: Itaguá e Itaquanduba, respectivamente. Em São Sebastião todas as praias estão com balneabilidade boa, de acordo com a Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo).

Ao menos 13 praias do litoral de São Paulo estão impróprias para banho

Na Microrregião de Santos, São Vicente também está com três praias impróprias para banho: da Divisa, Milionários e Gonzaguinha.

Na Baixada Santista estão impróprias para banho Perequê, em Guarujá; José Menino (Olavo Bilac) e José Menino (Frederico Ozanan), em Santos, e do Centro, em Itanhaém.

A Praia Grande, no litoral sul, apresenta 12 praias em condições de balneabilidade, com exceção da praia de Maracanã.

Mongaguá, Peruíbe, Iguape e Ilha Comprida estão com todas as 20 praias em boas condições de balneabilidade.

A amostragem das praias foi coletada no período de 24 de novembro a 22 de dezembro. Confira aqui as condições de balneabilidade de todas as 167 praias monitoradas pela Cetesb.