Esporte

Rússia é banida do esporte por quatro anos e está fora da próxima Olimpíada e Copa do Mundo

A Agência Mundial Antidoping (Wada, na sigla em inglês) baniu a Rússia de qualquer grande competição internacional pelos próximos quatro anos. Isso inclui os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 e também a Copa do Mundo do Catar em 2022, por exemplo.

A punição, acordada em decisão unânime do órgão, acontece pelos esquemas de doping sistemáticos envolvendo atletas russos revelados nos últimos anos.

O Comitê da Wada responsável pela decisão sugeriu diversas punições à Rússia depois que a Agência Antidoping Russa (Rusada) se negou a cooperar com as investigações.

A Rússia tem 21 dias para aceitar ou recorrer da decisão, levando a questão para a Corte Arbitral do Esportes (CAS).

Apesar da punição, atletas russos que comprovarem à agência que estão limpos poderão competir sob bandeira neutra.

Segundo a Wada, o gancho não vale, contudo, para a Eurocopa de 2020, em que a Rússia está no grupo B com Bélgica, Dinamarca e Finlândia. A agência entende que o torneio não se encaixa na definição de “grande competição internacional”.

Sede da última Copa do Mundo, a Rússia está proibida de sediar eventos esportivos internacionais durante o período de punição. Seus dirigentes esportivos não poderão até mesmo de frequentar os eventos, e o hino e bandeira do país também são vetados.

Fonte: MSN

SorocabaniceS
the authorSorocabaniceS