Comportamento

Buquê de coxinhas é vendido como opção para presente do Dia dos Namorados

Depois de ser marcada em uma publicação nas redes sociais sobre a história de uma curitibana que resolveu criar um buquê de coxinhas e comercializar para fugir da crise, a empresária Kátila Dias, da Formigaria Bolos & Delícias, resolveu apostar na dica e lançar a nova moda no mercado roraimense. E, segundo ela, não se arrependeu.

Declare seu amor de forma diferente com o buquê de coxinhas.

“Eu pensei: nunca tinha visto isso, mas achei super criativo e não esperei muito tempo. Fui logo fazendo também”, comenta. O resultado não podia ser melhor: encomendas diárias de buquês que saem a R$50 reais e trazem 30 irresistíveis coxinhas. “Até agora na nossa Fanpage da Formigaria são mais de 200 compartilhamentos, muitos comentários e curtidas”, conta a empresária que resolveu oferecer também o buquê de morango com chocolate e banana com chocolate. “Vão surgindo outras ideias, conforme a procura e nós vamos melhorando. Estou tendo uma procura bem legal”, disse.

A criatividade, segundo Kátila, tem ajudado o negócio a desviar da crise. “Toda novidade que cai no gosto dos clientes acho válida e acho que desvia sim da crise. Tem que ser justo com o preço, para que ganhe o negócio e o cliente. Tenho certeza que ajuda”, analisou.

O lance de se inspirar na Internet para variar o cardápio não é novidade para a empresária. “Algumas tortas, cremes e bolos, são inspirados em receitas que recebemos. O bombonzão é lindo, faço com a tampa de uma embalagem, e isso eu vi em uma rede social. Procuro muito. Nosso cuscuz era simples. Mas procurei no Google como oferecer o cuscuz recheado. Na cozinha a gente prova, mas procuramos melhorar as receitas. A Internet é o meu grande coringa. Olhamos a ideia e melhoramos ainda mais”, explicou ela ao lembrar que esse tipo de inovação ajuda o negócio a se manter e até a crescer. “A crise está muito feia, são muitos impostos e é muito complicado se manter. Mas não vamos desistir. Vamos inovar. Fazer as coisas que vemos na Internet, testar as dicas dos clientes. Inovação sempre. A mesmice enjoa”, ressaltou.

A Formigaria Bolos & Delícias tem oito meses e funciona na avenida Ville Roy, no bairro Canarinho. A empresa, como costuma dizer Kátila, é a realização de um sonho. A empresária já era conhecida em Roraima por fornecer bolos caseiros há mais de 10 anos. Ela conta que produzia os bolos e entregava em casa. A demanda pelos produtos cresceu muito e o que era uma espécie de passatempo acabou se tornando um negócio próspero. “Tive muito medo por conta do atendimento. É totalmente diferente abrir uma loja a atender em casa. Recebo críticas e procuro melhorar. Gosto de atender. A loja vai fazer oito meses e estamos levando. A experiência tem sido muito legal e é o que eu sempre quis, me sinto realizada. É meu sonho”, resume.

No local, 17 colaboradores se revezam para atender das 8h30 às 20h30, initerruptamente. Muitas pessoas costumam usam o lugar para reuniões profissionais pela manhã, e para reuniões de amigos no final da tarde.

To Top