Início Pelo Brasil Jovem queimada pelo namorado se declarava constantemente nas redes sociais: ‘minha sorte...

Jovem queimada pelo namorado se declarava constantemente nas redes sociais: ‘minha sorte grande’

1225
0

Isabela tinha 19 anos, foi espancada e queimada viva, ela agradecia todos os dias no facebook por ter esse namorado: “Minha sorte grande”

A universitária Isabela Miranda de Oliveira, espancada e queimada viva pelo namorado no último domingo (3), em São Paulo, utilizava as redes sociais para se declarar para o companheiro constantemente, através de fotos, textos e publicações compartilhadas.

Na foto mais recente do casal, publicada no dia 5 de fevereiro, a jovem, de 19 anos, aparece sorrindo ao lado do namorado e diz na legenda: “Minha gratidão. Minha sorte grande. Te escolheria um milhão de vezes.”

Em uma outra publicação, compartilhada na semana passada, ela fala sobre como os homens deveriam tratar as namoradas.

“Trate sua namorada como você gostaria que seu pai tratasse sua mãe, como você acha que seu cunhado deve tratar sua irmã e como você gostaria que seu genro tratasse sua filha”.

Como a maioria das publicações da jovem estão em modo público, os internautas criaram uma hashtag e estão pedindo justiça nos comentários com a frase: “#QUEREMOSJUSTICA #QUEREMOSRESPOSTA. NENHUMA MULHER A MENOS! NENHUM FEMINICÍDIO A MAIS!!!”

O caso

Familiares disseram à Record TV que a jovem teria sido abusada sexualmente, espancada e queimada pelo namorado, que teria tentado fugir do local, mas foi impedido pelo caseiro da chácara — o suspeito foi detido e teve a prisão temporária convertida em preventiva.

Ainda de acordo com a versão dos parentes de Isabela, ela foi convidada por uma amiga para participar do churrasco e foi acompanhada do namorado, de 21 anos, de uma cunhada, de 20, e do noivo dela, de 23.

Em determinado momento da festa, os amigos iniciaram uma brincadeira na piscina, na qual o participante que não superasse o desafio proposto teria que ingerir doses de bebidas alcoólicas.

Segundo o relato dos familiares da vítima, a garota foi colocada em um quarto para que e se recuperasse da embriaguez e, como vestia apenas um biquíni, amigos a teriam coberto com um lençol. No entanto, conforme disse o tio da vítima, o namorado da cunhada de Isabela teria ido até o quarto e estuprado a jovem enquanto ela ainda dormia.

Boletim de ocorrência

A história registrada no boletim de ocorrência não confirma a versão apresentada pelos familiares de Isabela. A polícia trabalha com a hipótese de Isabela e o rapaz terem realizado sexo consensual. No entanto, a amiga e o namorado de Isabela teriam flagrado o ato. Então, teria ocorrido uma intensa discussão entre os dois homens. Isabela e o outro rapaz foram espancados.

Em determinado momento, outros participantes do churrasco ouviram a confusão e intervieram. Parte dos homens da casa socorreu o rapaz agredido. Porém, o namorado e a amiga de Isabela permaneceram na chácara.

Testemunhas

Segundo o boletim de ocorrência, o jovem suspeito de estuprar Isabela, que ficou em observação médica no Hospital Estadual de Francisco Morato, estava confuso devido as agressões que sofreu na região da cabeça. Por isso, ainda não tinha condições de prestar depoimento.

A família de Isabela disse que o namorado, inconformado com a traição, teria ameaçado as pessoas na festa com uma faca. Para preservar a integridade física de Isabela, os parentes a teriam colocado dentro de um banheiro, até que o agressor se acalmasse.

Porém, o homem teria ateado fogo em pedaços de plástico e jogado no banheiro para forçar Isabela a sair. Ainda alcoolizada e debilitada pelo espancamento, ela caiu em um colchão em chamas que o namorado havia deixado na porta para incendiar a menina.

Socorrida pelo Corpo de Bombeiros, Isabela foi levada para o Hospital da Luz. Ela teve queimaduras em 80% do corpo. Médicos informaram que a jovem teve falência dos órgãos na manhã da última quarta-feira (6).

Com informações de: FOLHA VITÓRIA